Projetos
Projetos

                                   PROJETO MALETINHA VAI E VEM

 

Em agosto de 2009, assumi uma turma de 3° Ano na Escola Municipal Maria Elizabeth Camelo Lisboa, em Anápolis. Foi minha primeira experiência com educação infantil e confesso que fiquei assustada com a realidade do ensino público. Terminei o ano e em janeiro de 2010 assumi uma turma de 4° Ano na Escola Municipal Dr. Anapolino Silvério de Faria. Fiquei decepcionada quando apliquei um teste de leitura para identificar o nível de aprendizado dos alunos e percebi que um aluno de 14 anos ainda não sabia ler. Expliquei para ele que dali para frente faria um trabalho diferenciado com intuito de ensiná-lo a ler antes do final do ano. Comuniquei a Coordenação da escola e aos pais do aluno, que de prontidão se puseram à disposição para ajudar nesta árdua tarefa de se conseguir alfabetizar uma criança fora da sua faixa etária em um curto espaço de tempo. Com muito esforço e dedicação conseguimos atingir o objetivo no tempo previsto e o aluno foi aprovado para o 5° ano.

Em janeiro de 2011, assumi uma turminha de 1° ano e senti uma necessidade imensa de inserir no cotidiano dos meus alunos, uma intimidade direta com os livros, pois acredito que o hábito da leitura deve ser adquirido logo no início da trajetória educativa da criança. A escola implantou um projeto onde todas as terças e quintas feiras os alunos param tudo por 30 minutos para leitura de um livro a sua escolha.  Resolvi então, dar continuidade ao projeto ultrapassando os portões da escola. Enviei um bilhete para os pais pedindo ajuda para iniciar o projeto e a participação foi total. Eles aprovaram o projeto, participaram e elogiaram do início até agora (pausa para as férias). Percebi que os alunos estão mais críticos e também mais seguros. Os relatos e o comportamento das crianças diante o projeto demonstra o total sucesso desta tão rica experiência. O projeto também foi executado em uma turma de 4° ano, mas este será outro relato.

 

 

                                                                                                                Professora Neulli Cordeiro Rolim

 

 

PROJETO MALETINHA VAI E VEM

 

APRESENTAÇÃO:

 

O projeto enfoca o ato de ler como ponto de partida para construção do pensamento lógico, possibilitando a capacitação do aluno em construir suas relações diante do mundo e um momento de diversão junto com a família.

Trata-se de um projeto de prática de leitura onde os alunos levarão para casa uma maletinha contendo 10 livros de estórias infantis e um diário de bordo para o registro; os pais deverão ler para o filho, no momento que julgar mais adequado, registrar a experiência no diário de bordo e dar sua opinião em relação ao projeto; poderá, juntamente com o filho, fazer uso da escrita, colagem, desenhos e tudo que a imaginação mandar. Depois, cada aluno apresentará sua criação aos colegas, na sala de aula com o acompanhamento do professor.

 

JUSTIFICATIVA:

O momento educacional atual vem mostrando, através das avaliações institucionais, a necessidade de criar, o quanto antes, espaços fora da escola para o desenvolvimento da prática da leitura compreensiva de nossos alunos e uma interação direta dos pais.

As estórias estão presentes em nossas vidas e em nossa cultura há muito tempo. A leitura de estórias infantis feita pelos pais, em um ambiente calmo e caloroso, aproxima a criança do universo letrado e colabora para a democratização de um de nossos mais valiosos patrimônios culturais: a escrita.

Ao professor cabe estimular e proporcionar o ato de ler de forma significativa e prazerosa, possibilitando a interação, o crescimento e o desenvolvimento pessoal.

Esse projeto visa fazer com que os pais dediquem um determinado tempo, em casa, para ler com seus filhos, que ainda não dominam a leitura. O livro deve ser mostrado, apalpado e aberto com dimensões do prazer e da alegria, para que o aluno perceba que ler é uma viagem maravilhosa e não apenas mais uma das atividades de escola.

 

PÚBLICO-ALVO:

 

Alunos do 1° Ano “A”, da Escola Municipal Dr. Anapolino Silvério de Faria, em Anápolis-GO.          

OBJETIVOS:

  • Estimular a criatividade, a imaginação e a fantasia.
  • Proporcionar situações de leitura compartilhada com a família.
  • Aproximar os alunos do universo escrito e dos portadores de escrita (livros) para que eles possam manuseá-los, relacionarem texto e ilustração, manifestar sentimentos, experiências, idéias e opiniões, definindo preferências e construindo critérios próprios para selecionar o que vão ler.
  • Exteriorizar emoções e sentimentos.
  • Expressar idéias e opiniões com espontaneidade.
  • Ampliar e explorar o vocabulário.
  • Contribuir para a organização do pensamento.
  • Contribuir para o desenvolvimento da linguagem oral.
  • Desenvolver no aluno a facilidade de se expressar em público, inicialmente, perante aos colegas de sala.

 

METODOLOGIA BÁSICA:

Haverá uma maleta com 10 diferentes livros de estórias e um diário de bordo para os registros. O aluno sorteado levará a maleta para casa e a trará no dia seguinte. Os pais deverão ler quantos livros desejarem e depois fazer um registro no diário de bordo, que poderá ser através da escrita, de desenhos, montagem, colagem ou alguma outra forma criativa que ele preferir.

Depois, na sala de aula, o aluno poderá apresentar para os colegas o livro que leu e o registro, então abriremos uma roda de conversa onde, quem quiser, relata sua opinião.

 

 

CONTEÚDOS TRABALHADOS:

 

  • Português- literatura através da leitura e do registro que ele terá que fazer.
  • Produção textual- o aluno poderá produzir outros textos usando o que foi lido, em forma de poesia, narrativa e até mesmo teatro.

 

 

CRONOGRAMA:

 

  • Durante todo o ano letivo de 2011.

 

 

AVALIAÇÃO:

 

 

  • Ocorrerá durante todo o processo, a partir da observação direta das atitudes do aluno-leitor no seu cotidiano, e da avaliação de leitura e interpretação de texto oral.